Notícias


Festival de Inverno 2011 - Programação

Teresópolis 07 de julho de 2011

Clique nas categorias para ver apenas a programação a respeito:



29/07 Sexta - feira:

OFICINA DE FOTOGRAFIA - Thiago Barros
Sala de Vidro Sesc Teresópolis - 10h às 13h
27 a 29/07 - Quarta a Sexta-feira

Esta oficina tem por objetivo oferecer a um público diverso os conceitos básicos da fotografia. Será oferecido um panorama sobre a evolução do processo fotográfico, a formação da imagem e os princípios técnicos de trabalho. Formado em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 2001, Thiago Barros atua como fotógrafo, é artista representado pela Galeria Tempo e docente em instituições de ensino de Artes Visuais (EAV Parque Lage, Sociedade Fluminense de Fotografia e Ateliê da Imagem).

Número máximo de participantes: 20
Classificação 15 anos

COTIDIANAS ALEGRIAS - artes visuais -
Terça a Sexta, das 10h às 19h / Sábado. e domingo, das 9h às 18h.
De 08/07 a 28/08
Classificação Livre

A exposição Cotidianas Alegrias apresentará fotografias de seis renomados profissionais: Edu Monteiro, Flavio Colker, Marizilda Cruppe, em Teresópolis e Bruno Veiga, Murillo Meirelles e Rogério Reis, em Nova Friburgo, sobre as alegrias cotidianas.

Ampliadas e em projeção, são apresentadas imagens dos muitas vezes rápidos e fugazes momentos que vivenciamos em nosso corrido dia a dia e que nos alegram a semana. Cenas e paisagens com as quais nos deparamos no ir e vir cotidiano, que nos provocam um sorriso e tornam a vida melhor.

Acompanhando a mostra, texto de Cora Rónai.
A exposição permanecerá aberta à visitação mesmo após o término do Festival.


JOAQUIM E AS ESTRELAS
Teatro Sesc Teresópolis - 11h e 14h

Joaquim e as Estrelas, primeiro espetáculo infantil da autora Renata Mizrahi, narra a história do menino Joaquim, que é apaixonado pelas estrelas e acredita que elas estão tristes, porque a maioria das pessoas deixou de olhar para o céu. Joaquim deixa de comer, de ir para escola e de brincar, até que, a partir de um sonho, ele assume a missão de fazer com que as pessoas voltem a dar importância às estrelas. É um espetáculo dinâmico e cheio de humor, que fala da grande importância de se valorizar as coisas simples da vida, como apreciar um céu estrelado. Focada no público infantil, a peça é também para toda a família, na medida em que o texto resgata, de forma divertida e poética, as coisas essenciais do viver através do menino que transmite no olhar a pureza de ser criança.

Elenco: Leandro Muniz, Elisa Pinheiro, Gisela de Castro, Marcio Freitas, Morena Cattoni, Carol Godinho e Peter Boos / Texto: Renata Mizrahi / Direção: Diego Molina / Cenografia: Doris Rollemberg / Iluminação: Anderson Ratto / Figurinos: Mauro Leite / Trilha Musical: Isadora Medella / Realização: Zucca Produções.

Classificação Livre


LER IMAGENS: A FORMAÇÃO DO OLHAR COMO ELEMENTO DE LEITURA DE MUNDO - Graça Lima - literatura
Biblioteca Sesc Teresópolis - 14h às 17h
28 e 29/07 - Quinta e Sexta-feira

Como se constrói o livro, elementos que o constituem e suas múltiplas linguagens. O livro ilustrado no Brasil a partir dos anos 70. Proposições de práticas diversificadas de leituras, por meio da ilustração.

Orientação: Graça Lima (formada em comunicação visual pela Escola de Belas-Artes – UFRJ - e mestre pela Pontifícia Universidade Católica - PUC-RJ -, trabalha com design gráfico desde 1985 e já ilustrou mais de 50 livros, no Brasil e exterior, muitos deles premiados).

Número máximo de participantes: 25

Classificação 16 anos

OFICINA DE ROTEIRO PARA CINEMA E TELEVISÃO
Videoteca Sesc Teresópolis - 14h às 18h
28 e 29/07 - Quinta e Sexta-feira

A oficina tem como objetivo fornecer aos alunos as ferramentas básicas para a escrita de um roteiro audiovisual. Para tanto, as aulas aliam a exposição de conceitos teóricos à análise de filmes e exercícios práticos, estimulando sempre a participação ativa dos alunos. Utilizando uma linguagem acessível e exemplos cotidianos, esta oficina possibilita o envolvimento de um público amplo, com diferentes níveis de conhecimento sobre roteiro e cinema em geral. Aline Portugal é roteirista de cinema, televisão e quadrinhos. Trabalhou durante dois anos como roteirista do núcleo de TV e Multiplataformas da Conspiração Filmes, onde prestou serviços para diversos canais de televisão, tais como Discovery Channel, Multishow, Canal Futura, TvBrasil, entre outros. Recentemente, roteirizou a série de TV "Por que a gente é assim?" e codirigiu o documentário longa‐metragem "Bolsistas", ambos produzidos pela Matizar Filmes. É roteirista do longa‐metragem "Canção Brasileira", de Paulo Betti, atualmente em fase de captação. Realiza consultorias de roteiro, como para os longas‐metragens "Qualquer Gato", de Thomaz Portella e "À Beira do Caminho", de Breno Silveira. Escreve para o gibi "Lulu Teen e sua Turma", publicado pela Editora Ediouro.

Número máximo de participantes: 20

Classificação 16 anos

BIOGRAFIAS E BIOGRAFADOS - A HISTÓRIA POR TRÁS DA HISTÓRIA
Biblioteca Sesc Teresópolis - 18hs

João Máximo, Paulo César Araújo, Regina Echeverria e Guilherme Fiúza, mediados pela jornalista e escritora Cristiane Costa, conversam acerca de narrativas biográficas e suas produções, desdobramentos e repercussões num momento em que a discussão entre o público e o privado se encontra no centro de muitas atenções.

Classificação 14 anos


BARTOLOMEU, QUE SERÁ QUE NELE DEU? - Drama pop
Quadra Sesc Teresópolis - 21hs

Sob a direção de Georgette Fadel, com a premiada companhia paulista de teatro Núcleo Bartolomeu de Depoimentos, o espetáculo trata da patética trajetória do funcionário de um escritório de advocacia que, de repente, confina-se dentro de si mesmo, recusando-se a participar do mundo e de tudo o que implica no convívio social. O Núcleo Bartolomeu de Depoimentos tem como foco de sua pesquisa de linguagem o diálogo entre a cultura hip-hop e seus elementos: a dança de rua/break; o DJ – música; o MC/Rapper, responsável e criador do improviso que gera ritmo e poesia – rap; artes gráficas/grafitti – feito pelo artista de rua, e o teatro épico e seus recursos.

Concepção: Claudia Schapira / Direção: Georgette Fadel / Elenco: Companhia Núcleo Bartolomeu de Depoimentos.

Classificação 12 anos
30/07 Sábado:

COTIDIANAS ALEGRIAS - artes visuais -
Terça a Sexta, das 10h às 19h / Sábado. e domingo, das 9h às 18h.
De 08/07 a 28/08
Classificação Livre

A exposição Cotidianas Alegrias apresentará fotografias de seis renomados profissionais: Edu Monteiro, Flavio Colker, Marizilda Cruppe, em Teresópolis e Bruno Veiga, Murillo Meirelles e Rogério Reis, em Nova Friburgo, sobre as alegrias cotidianas.

Ampliadas e em projeção, são apresentadas imagens dos muitas vezes rápidos e fugazes momentos que vivenciamos em nosso corrido dia a dia e que nos alegram a semana. Cenas e paisagens com as quais nos deparamos no ir e vir cotidiano, que nos provocam um sorriso e tornam a vida melhor.

Acompanhando a mostra, texto de Cora Rónai.
A exposição permanecerá aberta à visitação mesmo após o término do Festival.


BONS VENTOS
Praça Santa Teresa - 1hs

O projeto "Bons Ventos" ocorrerá no dia 30 de julho de 2011, simultaneamente, em Petrópolis, Teresópolis e Nova Friburgo, quando serão promovidas as Revoadas de Balões. A revoada consiste na soltura de milhares de balões coloridos biodegradáveis no ar carregados de sementes de árvores originárias da Mata Atlântica (Pau Pombo- Tapirica, Andira, Jacarandá, Jequitibá-Rosa e Cedro). Antes das revoadas de balões haverá tocadores de realejo. O evento terá um convite coletivo de participação através das redes sociais (twitter, facebook e Orkut). A iniciativa pretende proporcionar às populações locais momentos de união e alegria e chamar a atenção para as questões ambientais. O Festival de Inverno, como grande incentivador da Cultura na região pode, dessa forma, demonstrar a sua preocupação e a sua sensibilidade com a reconstrução dos municípios atingidos pelas chuvas.

Classificação Livre


PERFORMANCES DA CIA. VIVA – ASSOCIAÇÃO CENTRO CULTURAL VIVA
Praça Santa Teresa - 11hs

Uma performance com artistas de circo, feita por um malabarista, um palhaço e um perna-de-pau irá ocupar as praças e criar o clima para a realização do projeto "Bons Ventos". A ideia é interagir com a população, divertir e integrar todos para o grande momento quando milhares de balões com sementes serão soltos num ato simbólico de grande beleza.

Classificação Livre


ôÔÔôôÔôÔ - THAIS GULIN
Teatro Sesc Teresópolis - 19hs

Resultado de 3 anos de pesquisa, Thaís Gulin lança seu segundo cd homônimo com a faixa de sua própria autoria "ôÔÔôôÔôÔ" (Slap-Som Livre). A cantora, que já havia sido apontada pela Rolling Stones como uma das grandes revelações musicais em 2009, conta agora, neste novo cd, com ótima aceitação da crítica e imprensa. Com preciosas parcerias, divide autoria com Moreno Veloso e Kassim e recebe composições especiais de Chico Buarque, Tom Zé e Adriana Calcanhoto. No show, que tem direção geral de Thais Gulin e Andrea Zeni e direção musical de Lui Coimbra e Bruno Migliari, Thais estará acompanhada por Frado (Fernando Monteiro) e Alexandre Prol nas guitarras e violões, Lancaster Lopes no baixo, João Saldanha nos teclados e Thiago Silva na bateria.

"Em ôÔÔôôÔôÔ, Thaís finalmente une um conteúdo exemplar, melodias e letras marcantes, com uma produção musical moderna" – Hugo Sukman.

"Thais assume sua bandeira maior: a intenção de ser cantora-síntese de seu tempo, como Gal e Marisa foram ao encarnar questões e sons que deveriam ser ouvidos em seus respectivos "hoje". Luiz Fernando Vianna – O Globo (Rio de Janeiro).

Classificação Livre


ME SALVE MUSICAL!
Quadra Sesc Teresópolis - 21hs

O casal George Simmas e Alma Duran – ele, um diretor de musicais, ela, uma atriz trágica – espera um voo para Nova York no aeroporto Tom Jobim. Enquanto discutem a relação e tentam salvar o casamento, a sala de embarque é tomada por acontecimentos estranhos, cômicos, musicais e, absurdamente, dramáticos. Com texto e direção de Pedro Bricio, os atores Gustavo Gasparani e Susana Ribeiro protagonizam essa comédia que lembra os musicais dos anos 50 e fala sobre a busca da felicidade, sobre o desejo impossível de viver sob a doce ilusão, sobretudo nas relações amorosas. "...a montagem é imperdível para plateias jovens e irreverentes, interessadas em cenas de invenção teatral", disse a crítica Tania Brandão.

Direção e Dramaturgia: Pedro Bricio / Elenco: Gustavo Gasparani, Susana Ribeiro, Fernando Alves Pinto, Isabel Cavalcanti, Celso Andre, Keli Freitas e Juliana Medella / Direção de Arte: Rui Cortez / Iluminação: Tomás Ribas / Música Original e Direção Musical: Lucas Marcier, Fabiano Krieger e Felipe Rocha / Canções: Felipe Rocha / Preparação Corporal: Cristina Moura / Assistente de Direção: Rafael Leal / Programação Visual: Alcino Giandinoto / Direção de Produção: Fábrica de Eventos / Claudia Marques / Produção Executiva: Leila Moreno / Coprodução: Fábrica de Eventos e Sábado Produções Artísticas / Realização: Zeppelin Cia.

Classificação 12 anos


31/07 Domingo:

COTIDIANAS ALEGRIAS - artes visuais -
Terça a Sexta, das 10h às 19h / Sábado. e domingo, das 9h às 18h.
De 08/07 a 28/08
Classificação Livre

A exposição Cotidianas Alegrias apresentará fotografias de seis renomados profissionais: Edu Monteiro, Flavio Colker, Marizilda Cruppe, em Teresópolis e Bruno Veiga, Murillo Meirelles e Rogério Reis, em Nova Friburgo, sobre as alegrias cotidianas.

Ampliadas e em projeção, são apresentadas imagens dos muitas vezes rápidos e fugazes momentos que vivenciamos em nosso corrido dia a dia e que nos alegram a semana. Cenas e paisagens com as quais nos deparamos no ir e vir cotidiano, que nos provocam um sorriso e tornam a vida melhor.

Acompanhando a mostra, texto de Cora Rónai.
A exposição permanecerá aberta à visitação mesmo após o término do Festival.


BERRANTE O AUTO DA RAÇA
Quadra Sesc Teresópolis - 16hs

A dupla Lu Maia e Mauro Menezes desenvolve uma parceria de 22 anos criando músicas e histórias para encenações musicais interativas que encantaram o imaginário de milhares de pessoas em incontáveis apresentações por esse Brasil afora. Como pesquisadores do folclore e da cultura popular brasileira, o casal de artistas imprime em seu trabalho as múltiplas facetas da alma brasileira, incorporando em sua verve criativa elementos de Autos Sacros e Profanos, Reisados, Rituais, Lendas e Danças Dramáticas, entre muitas manifestações profanas de alto teor poético, humorístico e dançante. Nesta apresentação, Berrante conta a saga heróica e retumbante do Boi da Alegria e da Liberdade, o Boi que dança e luta para não morrer. Perseguido, preso, torturado, ele resiste, não se entrega, mas acaba sendo abatido pela miséria, que é a soma da fome com a ignorância. Ferido mortalmente, tomba na poeira do terreiro no qual dançava. Seres encantados, animais fantásticos, benzedeiras, feiticeiros, médicos, pastores, cientistas vêm em socorro, mas nada conseguem. O Boi não se reanima. As carpideiras desfiam rosários berrando lamentos. O luto parece consumado. Então, O Capitão ergue a voz e deflagra a regeneração. Uma entidade coletiva se configura. Uma força até então desconhecida se manifesta. Mobilizado pela cantoria, o povo entra em cena para protagonizar o desfecho da história. O Boi estremece. A fé renasce. A esperança brota. A comunhão potencializa o milagre. O mantra refaz o fluxo da energia e o coletivo ressuscita a capacidade de reconstruir sua alegria. A encenação estrutura-se sobre o tripé teatro/música/dança, amalgamando a forma verbal poética à forma dramática dançada. Utiliza perna-de-pau, estandartes, máscaras, adornos corporais, objetos de cultos, tambores, malabares, além de caracterização teatral, figurinos e adereços customizados, numa poética composição tragicômica caracterizada por harmônico entrelaçamento de expressividade artística com simbologia.

Elenco: Lu Maia, Mauro Menezes, Raquel Maia, Ramon Múrcia, Savana Maia, Alexandre Pires, Lívia Guedes / Texto: Lu Maia e Mauro Menezes / Música original: Mauro Menezes / Figurino: Lu Maia / Direção Musical: Mauro Menezes / Direção Geral: Lu Maia.

Classificação Livre

Informações:

VALOR DOS INGRESSOS:

R$ 4,00: associado Sesc Rio com carteira dentro do prazo de validade
R$ 8,00: meia-entrada* (estudantes, pessoas acima de 60 anos e portadores de deficiência)
R$ 16,00: inteira
*Apresentando os devidos documentos como comprovantes

Pontos de venda Ingresso Rápido. É emitido um vale ingresso que precisa ser trocado na bilheteria das unidades. Preços sujeitos à taxa de conveniência da Ingresso Rápido:

Drogarias Atual:
Avenida Lúcio Meira, 687.
Av. Oliveira Botelho, 275 (ao lado do Hotel Higino).
Rua Pedro Estruche, 157 (ao lado do Tiro de Guerra).

BILHETERIA

Sesc Teresópolis – Av. Delfim Moreira, 749, Várzea
Tel.: (21) 2743-6959 / 2743-6939.
Terça a domingo – 9h às 21h30

Os lugares não são numerados. Não será aceita a devolução do ingresso. Não será permitida a entrada após o início da atividade ou do espetáculo.

Sesc Teresópolis - Rua Delfim Moreira, 749 - Tel: 21-2743-6939
Teatro Higino - Rua Jorge Lóssio 207, Alto Teresópolis
Ginásio poliesportivo Pedro Rage Jahara (Pedrão) - Rua Tenente Luiz Meireles, 211 – Centro