• Divulgue sua Cidade, insira a widget abaixo do Portal Turístico em sua home page.



Notícias

Conheça nova loja de carnes exóticas em Teresópolis

As de javali, búfalo, avestruz, rã e jacaré são as mais procuradas

 

Teresópolis, 05 de novembro de 2012

Vários fatores estão levando as pessoas a ficarem cada vez mais em casa e alguns mercados como o de decoração e gastronomia ganham espaço. Preparar pratos mais elaborados e churrascos com cortes especiais e carnes exóticas para os amigos já virou uma opção para o programa de domingo. Que tal escolher uma dessas carnes para o próximo fim de semana? Muitas delas são mais saudáveis do que as convencionais e tem indicação nutricional pelo baixo teor de gordura.

 

 

Com a difusão da gastronomia no Brasil e com o nível de exigência e a demanda aumentando, restaurantes e hotéis se preocupam, cada vez mais, em oferecer novidades e pratos regionais, nossas churrascarias são a prova disso e passaram a ser uma atração à parte no roteiro dos estrangeiros que desembarcam por aqui.

A tecnologia no manejo dos animais e o aprimoramento genético de matrizes ajudaram muito a criadores como o engenheiro agrônomo, André Fleury Alvarenga, um dos sócios da marca Temra, de Araçariguama (SP), especializada em Javalis, que distribui 3,5 toneladas por mês em todo o país e com aumento da produção a cada ano, desde que começou em 1998.

 

 

Um exemplo dessa paixão, de fazer churrasco para os amigos, é o do empresário, Rivaldo Costa, do ramo automotivo há 30 anos em Teresópolis(RJ), que resolveu profissionalizar seu hobby e foi buscar no Sul o que havia de melhor no mercado de carnes. De olho nesse mercado, abrirá no próximo sábado, dia 3, a loja especializada ‘Boutique das Carnes’, onde vai comercializar os cortes do famoso Boi de Capim, que já vinha mantendo em dois grandes freezers para consumo próprio e para atender os amigos em sua agência de automóveis. “Foi assim que tudo começou e de onde surgiu a ideia para abrir a loja”, conta Rivaldo, um apaixonado por um bom churrasco, feito com cortes especiais e carnes exóticas e de caça.

A loja será dedicada aos amantes desse tipo de carne, muitas vezes difíceis de serem encontradas na região e em um só lugar, como a de avestruz, búfalo, coelho, linguiças e parmas mineiros, pato, cabrito, capivara, queixada, javali, cateto, codorna, rã, pescados e frutos do mar, além de aves como faisão, galinha Caipira e D`Angola, cordeiros e a cobiçada, e cara, carne de paca (pode chegar a R$ 400,00 o kilo) e o filé de cauda de jacaré. Tudo oriundo de cativeiros homologados e certificados pelos órgãos ambientais e com serviços de entrega.

 

 

Ele investiu 300 mil Reais nas instalações da boutique que pretende vender mais de cinco toneladas de carne especial por mês na região, inclusive para restaurantes. A degustação de produtos no deck, instalado na varanda da loja, será mais um atrativo para a clientela.

E um dos destaques será, claro, a picanha do ‘Boi de Capim’, da Fazenda Santo Antônio, isso pelo cuidado com a alimentação que o bicho tem até o abate e pela reputação de uma carne isenta de qualquer medicação ou meios artificiais de ganho de peso, o que lhe rende a fama de carne saudável e saborosa.

“Uma carne bem consumida em churrascos é a costela bovina do Boi de Capim, devido ao seu preço (a partir de R$ 9,00 o kilo) e uma das linhas mais procuradas são as carnes prime das fazendas VPJ, tanto a bovina, da raça de origem escocesa, Angus, como as de cordeiro, da raça Dorper”, explica a gerente Rose Ferreira.

A loja oferecerá complementos para o bem receber ou presentear amigos, como as facas e aventais da grife Wessel, produtos para churrasco, temperos, queijos, doces caseiros, cachaças e uma bela adega com vinhos de todo o mundo e cervejas especiais.

Serviço

Endereço: Rua Coronel Antônio Santiago, 45, Agriões, Teresópolis, Rio de Janeiro. Telefone: (21) 2642-9955 / E-mail: boutiquedascarnes@live.com

Funcionamento: de segunda a sábado das 8h às 20h e aos domingos das 8h às 14h.

Aceita todos os cartões (menos Amex) e conta com serviço de entregas.

 

 

.